PLANTÃO / DEMISSÕES

Imprimir Notícia

Mesmo com altos lucros, bancos continuam demitindo

10/04/2018 às 12:34
Joyce Nunes/Ascom SEEB-MA
A+
A-

Enquanto o lucro dos bancos se torna cada vez maior, as instituições financeiras continuam demitindo seus empregados massivamente. Somente nos dois primeiros meses de 2018, os bancos já reduziram mais de 390 postos de trabalho, de acordo com o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged). Ao todo, em 2017, 17.711 bancários perderam seu emprego.

Fatores determinantes para a queda nos postos de trabalho são os planos de demissão voluntária, as demissões imotivadas, bem como a falta de concursos para preencher essas vagas. Algumas instituições financeiras não realizam concurso há mais de 3 anos, deixando um déficit nas agências.

Esse problema se reflete no atendimento aos clientes e usuários, que se torna cada vez mais precário, ocasionando mais filas e transtornos.

O grande número de demissões não se justifica diante do lucro que as instituições financeiras obtiveram em 2017. Juntos, Banco do Brasil, Caixa, Itaú, Bradesco e Santander entregaram um lucro líquido 22,6% maior em relação a 2016. No acumulado de 2017, o lucro dos bancos chegou a mais de R$ 54 bilhões.

E com a Reforma Trabalhista, as consequências são ainda piores para os bancários. As demissões sem justa causa representaram 56,5% do total de desligamentos no setor bancário entre janeiro e fevereiro de 2018. Já os PDVs representam 34,9% dos tipos de desligamento.

Nesse período foram registrados, ainda, 8 casos de demissão por acordo entre empregado e empregador, modalidade essa criada com a aprovação da Lei 13.467/2017 (Reforma Trabalhista) em vigência desde novembro de 2017.

Os empregados que saíram do emprego nessa modalidade apresentaram remuneração média de R$2.800,38, bastante inferior à média de R$ 6.512,12.

Diante disso, o SEEB-MA vem lutando pela contratação de mais bancários, construção de novas agências, fim das demissões imotivadas, em defesa dos bancos públicos, por atendimento digno à população, contra as reformas do Governo Temer e, sobretudo, por nenhum direito a menos!

Deixe sua opinião sobre essa matéria:

Limite de caracteres (0 / 250)
SOBRE

Sindicato dos Bancários do Maranhão - SEEB/MA
Rua do Sol, 413/417, Centro – São Luís (MA)
E-mail: comunicacao@bancariosma.org.br
Telefones: (98) 3311-3500 / 3311-3516
CNPJ: 06.299.549/0001-05
CEP: 65020-590

MENU RÁPIDO

© SEEB-MA. Sindicato dos Bancários do Maranhão. Gestão Sindicato em Ação: a luta continua!